ReduA�A?o de estoques pode contribuir para qualidade e eficiA?ncia

 

Hand truck with boxesAs novas filosofias gerenciais indicam que, para uma empresa obter elevados nA�veis de desempenho em termos de qualidade ou eficiA?ncia, A� preciso reduzir os estoques. a�?Eles trazem uma sA�rie de complicaA�A�es, sendo a principal o fato de ocultarem problemas. Como hA? estoques de vA?rios tipos, a empresa nA?o tem urgA?ncia em resolver as dificuldades. Esta A� uma das ideias fundamentais de filosofia daA�Lean Production, surgida no JapA?o, na indA?stria automotiva, e que se disseminou por muitos paA�ses e setoresa�?, afirma Carlos Torres Formoso, professor e pesquisador do NORIE-UFRGS – Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Ao estocar, a construtora estA? imobilizando capital. a�?Isto A� um erro estratA�gico. A� um dos problemas decorrentes dos estoques. O capital fica parado, sem trazer ganhos A� empresa. Mas hA? outros: estoques ocupam espaA�o, resultam em deterioraA�A?o de produtos e podem ser objeto de roubo ou vandalismo. PorA�m, o mais importante A� que estoques escondem problemas. Existem vA?rios tipos de estoques: de materiais, de produto inacabado a�� tambA�m conhecido como trabalho em progresso a�� e de produtos acabados. Estes dois A?ltimos sA?o ainda piores que estoques de matA�rias-primas, pois sA?o mais valiosos e podem mais rapidamente se tornar obsoletosa�?, explica Formoso.

De acordo com o professor, sempre A� necessA?rio fazer algum tipo de estoque, mas estes devem ser cuidadosamente dimensionados e, ao longo do tempo, reduzidos atravA�s de um esforA�o contA�nuo de implementaA�A?o de melhorias. a�?Alguns materiais de construA�A?o podem se deteriorar mais rapidamente como o cimento, o que traz um problema adicional. Outros sA?o muito caros, como um elevador desmontado. E hA? ainda alguns que sA?o muito volumosos e pesados como tijolos e blocos, o que dificulta sua manipulaA�A?oa�?, diz o pesquisador.

A vantagem principal de estocar, segundo Formoso, A� que permite conviver com a variabilidade, ao invA�s de removA?-la, tais como fornecedores pouco confiA?veis, materiais defeituosos, incerteza quanto A�s atividades a executar, mudanA�as repentinas nos planos, entre outras. a�?A� importante tornar as entregas confiA?veis atravA�s do estabelecimento de relaA�A�es de parceria com os fornecedores. Entretanto, para que as entregas confiA?veis tragam benefA�cios, A� fundamental que a execuA�A?o da obra tambA�m seja segura. AlA�m de reduzir atrasos, A� essencial planejar as operaA�A�es de descarga para tornA?-las eficientes e corretasa�?, ressalta.

Como o canteiro de obras A� um local conturbado, A?mido e apresenta riscos A� integridade de produtos, A� necessA?rio que o planejamento preveja espaA�os adequados para estocagem, inclusive estabelecendo cuidados especiais com materiais frA?geis ou de elevado valor. a�?Sempre que possA�vel, deve-se estocar os materiais o mais prA?ximo possA�vel dos equipamentos de transporte a�� grua e elevador a�� ou do local de aplicaA�A?o como no caso de elementos prA�-fabricadosa�?, comenta o professor.

Neste momento da economia brasileira em que a inflaA�A?o incomoda, as empresas do setor acabam cogitando em aumentar os estoques. a�?A inflaA�A?o A� um estA�mulo A� estocagem, por razA�es A?bvias. A� mais um efeito nocivo da inflaA�A?o, principalmente, se alcanA�a dois ou trA?s dA�gitos, como em passado recentea�?, diz o pesquisador.

Fonte: Construcompras (RedaA�A?o AECweb / e-Construmarket)
Link:http://www.aecweb.com.br/cont/m/cc/reducao-de-estoques-pode-contribuir-para-qualidade-e-eficiencia_8943